Teste de carga Aplicativo de uma única página (SPAs)

Um SPA (Single-Page Application, também chamado de SPI), é um aplicativo ou site da Web que “se encaixa” em uma página individual e atualiza a página dinamicamente, em vez de carregar uma nova página. O principal benefício dos SPAs é que eles proporcionam uma experiência de usuário mais reativo e suave. O conceito SPA existe há mais de 15 anos, mas apenas nos últimos anos ganhou força. Avanços em tecnologia e estruturas tornaram as SPAs uma possibilidade real para desenvolvedores e organizações.

As frameworks JavaScript do navegador da Web, como AngularJS, Ember, Ext JS, Knockout, React e Vue, todos suportam princípios SPA. Algumas das maiores empresas do mundo usam SPAs, incluindo Google (Gmail), Netflix, Facebook, Trello e Twitter.

Teste de carga jmeter com LoadView

Supere as limitações de teste de carga do JMeter com o LoadView

Aplicativos de várias páginas: um resumo rápido

A maioria dos sites e aplicativos operam da seguinte maneira: um usuário acessa a Internet através de seu navegador, e digita um endereço web. Quando isso acontece, o navegador envia uma solicitação ao servidor pedindo que ele envie a página inicial. Uma vez que a página é carregada, o usuário navega pela página, criando solicitações adicionais para o servidor. Quaisquer ações, como cliques ou pesquisas, resultam em outra solicitação de página. Este método, conhecido como Aplicativo multi-página (MPA), tem sido quantos sites e aplicativos são construídos hoje.

Aplicativos de uma página: a próxima grande coisa

Aplicativos de página de teste
Aplicativos de uma única página, por outro lado, usam uma abordagem completamente diferente. Para um usuário normal, eles podem nem perceber a diferença. Se eles estiverem prestando atenção, eles notarão que seu botão de atualização no navegador não recarrega uma vez que a página inicial é carregada. Com um SPA, o navegador baixa, salva e executa um programa JavaScript nos bastidores, em um instante. É um aplicativo completo, como se o usuário baixasse e instalasse um aplicativo em seu computador, mas só que desta vez, ele está em seu navegador.

Uma vez que este aplicativo está sendo executado, a página não precisa recarregar novamente. O programa controla tudo o que o usuário vê e se comunica com o servidor, se necessário. Novamente, a página não está realmente recarregando, apenas algumas partes do DOM mudam. Isso economiza muita largura de banda, tempo e, o mais importante, dá ao usuário uma experiência mais fluida. Além disso, depois que o SPA é carregado, ele geralmente pode ser executado no navegador quando não há conexão com a Internet.

MPAs vs. SPAs: Vantagens e Desvantagens

Isso parece ótimo, certo? Então, como pode haver alguma desvantagem para os SPAs? Bem, como em qualquer coisa na vida, há alguns, e vamos cobrir alguns deles aqui.

  • SpAs encontram problemas com SEO.
    • Os SPAs carregam conteúdo na página de forma assíncroniosa, o que significa que os dados são atualizados no aplicativo sem atualizar a página. Os rastreadores SEO não gostam disso porque dependem do JavaScript. Com um SPA, uma vez que a página é carregada, o trabalho do rastreador está completo. O agente rastreador não sabe que os dados mudam à medida que o usuário navega pela página e, eventualmente, esses dados são renderizados na página.
  • Os SPAs não podem ser executados sem o JavaScript.
    • A maioria das páginas tem JavaScript ligado, então não é um problema, mas se JavaScript estiver desligado, sua página não funcionará.
  • Os SPAs tendem a favorecer navegadores modernos.
    • Isso pode ser uma limitação se você estiver tentando utilizar o maior número possível de versões do navegador para o seu aplicativo. Você pode encontrar-se em uma posição onde não é apoiado. Os MPAs seriam a melhor opção aqui e, consequentemente, teriam mais estruturas e melhores práticas existentes para retirar. Como um novo desenvolvedor, isso torna muito mais fácil trabalhar com MPAs (ainda é importante monitorar suas APIs ao desenvolver MPA ou SPA.

Conclusão: Qual é a melhor opção para testando SPAs de teste de carga?

Como você pode ver, você precisa considerar o objetivo do aplicativo antes de decidir ir com um MPA ou SPA. Se o seu site pode ser desenvolvido como uma experiência de uma única página, um SPA provavelmente é o caminho a percorrer. Se você tem uma loja online com várias categorias e muito conteúdo, por exemplo, o MPA pode ser a melhor opção. O que você decidir, antes de qualquer um de seus aplicativos ser colocado em produção, vários métodos de teste, especialmente testes de carga e estresse, devem ser executados para garantir que a experiência do usuário seja o mais perfeita possível.

O objetivo dos SPAs é que eles possam fornecer uma experiência de usuário responsiva e orientada a recursos. Para garantir que o trabalho de desenvolvimento que vai para a criação de um SPA não seja desperdiçado, é fundamental que seu SPA seja testado para garantir uma experiência de usuário de primeira linha sob carga semelhante à produção. Você quer a melhor experiência possível para seus visitantes, por isso certifique-se de que sua aplicação resiste às demandas que serão colocadas sobre ele.

A plataforma LoadView pode testar SPAs da mesma forma que você faria para qualquer outro aplicativo web e suporta frameworks JavaScript, bem como outros protocolos e tecnologias, como AJAX, Flash, HTML5, WebSockets e muito mais. Script rápido e facilmente as ações e comportamentos em várias etapas, gire os usuários virtuais e execute essas tarefas sob carga usando navegadores reais. Isso garante que você receba de volta os melhores dados de relatórios possíveis, e seus aplicativos podem enfrentar as demandas de seus clientes e visitantes.

Teste de desempenho para aplicações modernas

Outras ferramentas de teste de carga no mercado que utilizam o JMeter, por exemplo, podem ser suficientes para executar solicitações baseadas em protocolo, mas não são ótimas para testar SPAs de teste de carga porque o JMeter NÃO é um navegador e funciona no nível de protocolo e incapaz de executar JavaScript. Sim, há soluções alternativas, mas isso requer mais tempo e recursos, mesmo com um engenheiro ou desenvolvedor qualificado. Não é tão simples ou fácil como usar uma solução como o LoadView. Não é mais preciso configurar recursos de hardware e criar injetores de carga de seus dispositivos locais. O uso de ferramentas tradicionais de desempenho web para estruturas e tecnologias modernas não pode simular a experiência na perspectiva de seus visitantes. O LoadView facilita todo o processo, desde a criação de scripts para cenários críticos do usuário, até a configuração e execução de testes de carga, de mais de 20 locais em todo o mundo.

Comece hoje com a avaliação gratuita e lhe daremos $20 em créditos para seus testes iniciais. Ou talvez uma demonstração da solução LoadView seja mais do que você está procurando? Nossa equipe de engenheiros de desempenho está disponível para executar toda a solução LoadView. Basta selecionar um dia e hora que funcione melhor para você e sua equipe. Nossa equipe ficará feliz em responder todas as suas perguntas. Agende sua demonstração agora!